O primeiro jornal impresso em tinta e em braille!
Jornal Conviva
Home > Jornal Conviva / Índice de Jornais > ndice de Artigos do Jornal Nº 77 > Peruanos e paulistanos se mesclam pelas ruas da cidade

Estive lÁ e gostei!


Peruanos e paulistanos se mesclam pelas ruas da cidade

A gastronomia e a cultura do Peru já estão disseminadas em São Paulo

Por Sidney Tobias de Souza | sidney@adeva.org.br

Talvez você já tenha parado em algum lugar da cidade para ouvir um grupo tocando música andina. Isto é bem provável porque a colônia peruana há anos vem crescendo na cidade e, hoje, estima-se que vivam cerca de 40 mil peruanos em São Paulo. E, como toda comunidade imigrante, eles também difundem sua cultura por aqui. 

Música dos Andes
Grupos de variadas tendências se ocupam em divulgar o folclore peruano em apresentações musicais e de dança. O Fina Estampa, por exemplo, tem um amplo repertório de música criolla. O Qhantati Ururi (estrela do amanhecer) apresenta música e dança dos sikuris, um gênero musical que faz referência ao instrumento siku (flauta de pan). O Club Libertad tem como atração principal a marinera, dança nacional do Peru. Bailada em pares, com palmas, os dançarinos usam trajes alegres e lenços brancos que dão leveza à apresentação, acompanhados por quatro guitarras e um cajon, instrumento de percussão feito de uma caixa de madeira. 

Artesanato
Na Praça Kantuta (bairro do Pari) ou nos bazares beneficentes organizados pelo Comitê das Senhoras Peruanas de São Paulo, pode-se encontrar produtos alimentícios ou artesanato peruano, como echarpes e cachecóis de lã de alpaca, animais típicos do sul do Peru, primos das lhamas e das vicunhas.

O ceviche
A cozinha peruana é rica, colorida, cheia de tradição e sabor. Mas o que mais conhecemos por aqui são os ceviches, o prato rei da cozinha andina. Essa iguaria pode ser preparada com frutos do mar, ou com pescado, cortados em cubos, marinados em limão, temperados com pimentas peruanas e cebolas roxas, acompanhados de batata doce, milho verde debulhado e grãos do milho gigante do Vale Sagrado torrados. São deliciosos! 

Todos os anos, em novembro, acontece a ExpoCeviche, um evento cultural gastronômico que tem como carro-chefe o ceviche.

Outras delícias
Milho e quinoa são frequentes nos pratos peruanos, assim como a pimenta rocoto, bem forte, a aji amarillo (pimenta amarela) e o azeite de sacha inchi, riquíssimo em ômega 3.

As sopas de frutos do mar também são muito saborosas.

A causa misti é uma leve massa de batatas temperadas, recheada com abacate e peito de frango. Os bolinhos de batata recheados com carne moída, ovos, azeitonas e salsa criolla, e o pulpo al olivo, finas fatias de polvo cobertas com creme à base de azeitonas peruanas, também são pratos apetitosos, assim como o tabule de quinoa e o tacu, prato tradicional da culinária criolla afrodescendente, composto de tortilha de arroz e feijão acompanhada de filé à milanesa, ovo estrelado e banana frita.

Para beber, vale experimentar o pisco, uma aguardente clara feita com a uva do tipo quebranta que cresce no Vale de Ica, a 300 km ao sul de Lima, ou a tubaína Inca Kola. 

Para a sobremesa, experimente mazamorra morada, um creme à base de milho roxo com frutas desidratadas, ou um creme gelado de maracujá e quinoa, ou um alfajor peruano, uma delÍcia provada e aprovada por mim.

Que tal reservar um fim de semana pra conhecer um pouco das delícias do Peru? São muitas (e boas) as opções de restaurantes peruanos na cidade, com música ao vivo, decoração colorida, repleta de máscaras incas, tapeçaria, quadros dos Andes e lhamas em miniatura.

 

Voltar

 

ADEVA Rua São Samuel, 174, Vila Mariana - CEP 04120-030 - São Paulo (SP)
Telefones: 11 5084-6693 / 5084-6695 - Fax: 11 5084-6298 - E-mail: adeva@adeva.org.br
Horário de funcionamento: de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.
Compartilhe:
Indique este site! 

Webdesign:
E-Hipermídia Criação de Websites